• Instagram - Black Circle
  • Facebook - Black Circle
  • LinkedIn - Black Circle

© 2019 LUUK Digital Marketing - Todos os direitos reservados.

5 tendências de Mobile Marketing em 2017

Hoje em dia, o smartphone é um dos dispositivos de comunicação mais usados. Por onde andamos, avistamos uma pessoa com um celular na mão e isso já é algo muito comum em nosso dia a dia. Segundo dados de uma pesquisa realizada pelo Google Consumer Barometer, em quatro anos, o número de pessoas que usam esse tipo de celular no Brasil subiu cerca de 3,5 vezes, passando de 14% em 2012 para 62% em 2016. Em relação a porcentagem do mundo, o aumento foi de 33,3% em 2012 para 70% no ano passado.

Além disso, o avanço da utilização de smartphones no mercado provocou algumas mudanças de comportamento identificados pelo Google. Isso pode ser notado desde a hora de acordar, fazer fotografias, ouvir músicas, acessar redes sociais e assistir vídeos. Diante dessas características, é interessante conferir as 5 principais tendências para o mobile voltado para o marketing em 2017.

1 - Engajamento com o público através de mensagensUma das formas de comunicação eficaz, nos dias atuais, em que as marcas utilizam para se manter próximos aos clientes são as redes sociais. A maioria delas, possui um aplicativo de mensagem, tais como o Facebook tem o Messenger, o Instagram tem o Direct, o Twitter tem a DM, o Snapchat também tem um espaço para responder os snaps, há o Telegram e, é claro, o WhatsApp.

Aos poucos, os profissionais de Marketing estão buscando uma forma de resolver todas as dúvidas e questionamentos dos clientes com uma maior rapidez, principalmente utilizando e estando sempre ativo nos aplicativos de mensagens. Porém, é preciso saber que esses apps são usados de uma forma mais privada pelos usuários, para entrar em contato com os amigos, familiares e conhecidos. A inserção da marca deve ser feita com cautela e analisada de acordo com o feedback dos clientes. Oferecer, a princípio, um desconto por mensagem é uma boa dica para garantir uma boa impressão para a pessoa.

2 - Atenção para a velocidade do site mobileAtravés dos dados apresentados anteriormente, é essencial que os sites sejam responsivos, ou seja, adaptados para dispositivos móveis. Além disso, é importante também prestar muita atenção na velocidade do site. Por exemplo, se o cliente não conseguir encontrar o que está procurando em três segundos, é possível que a empresa poderá perder um usuário do site mobile.

Muitos usuários estão comprando mais com o smartphone e simplificar o check-out (área de finalização de compra) é uma das melhores maneiras para qualificar as suas vendas através de dispositivos móveis.

3 - Programa AMP do GoogleCom o objetivo de sempre oferecer a melhor experiência aos usuários, o Google possui um programa chamado Páginas Móveis Aceleradas (AMP), que testa o carregamento do site móvel e acelera a oferta de conteúdo. Isso possibilita uma melhor classificação do site nos resultados de pesquisa, além de aumentar as visitas e também as taxas de cliques.

4 - Exclua os pop-up do siteO Google divulgou recentemente no blog Webmaster Central que as páginas para celular que não apresentam um conteúdo acessível ao usuário, provavelmente não terá um bom posicionamento nos resultados de pesquisa ao ser visto no celular. Um dos exemplos citados no texto são os pop-ups que abrangem o conteúdo principal enquanto estão navegando dentro do site.

5 - A pesquisa por vozEquivalente a 20% das buscas em aplicativo móvel do Google e através de dispositivos Android são feitas por voz, diz Sherry Bonelli no blog Search Engine Land: "o número total de pesquisas de voz em geral é realmente muito maior quando você leva em conta assistentes pessoais como o Alexa, da Amazon, o Google Assistente, a Siri e a Cortana".

Há uma previsão que, no futuro, os mecanismos de buscas irão preferir a pesquisa através do comando de voz. Consequentemente, os profissionais de marketing precisarão se adaptar da melhor forma para isso, com o desenvolvimento de ferramentas eficazes para captar o conteúdo exato do que foi dito.

Diante de todas essas tendências, é possível perceber que o ambiente digital está cada vez mais aumentando e evoluindo, e que todos os profissionais precisarão se adaptar com isso.