O fim do mistério sobre o algoritmo do Instagram

O fim do mistério sobre o algoritmo do Instagram

   11/06/2018

Instagram marketing digital

       

Se você acessa diariamente o Instagram, então provavelmente deve lembrar do dia em que a rede social parou de mostrar os posts em ordem cronológica. Isso aconteceu em 2016, onde o Instagram começou a permitir que os seus algoritmos mostrassem os conteúdos mais interessantes para cada usuário. Na época, essa mudança desagradou muitos usuários e, até hoje, há pedidos para a volta da ordem cronológica. Porém, parece que isso não irá acontecer.

Recentemente, o Instagram reuniu a imprensa nos Estados Unidos para explicar como funciona, de fato, a rede social.

Basicamente, o Instagram conta com a tecnologia de machine learning, quando o algoritmo consegue entender e aprender conforme o seu uso. A ideia é que cada usuário tenha um feed personalizado, no qual apareçam fotos e vídeos de pessoas que você mais interage e que tenham a ver com seus gostos na rede social.

O algoritmo conta com três fatores de relevância:

INTERESSE: o algoritmo faz uma análise do seu comportamento no Instagram, ou seja, verifica quais você curtiu e interagiu, assim, determina o que acaba sendo mais interesse de mostrar em seu feed.

NOVIDADES: a plataforma prioriza as publicações mais recentes do que as antigas.

RELACIONAMENTO: consiste no quão próximo você é de uma pessoa para dar preferência para as suas postagens. Os perfis que você mais interage, como comentários em fotos, publicação que são marcados juntos, e entre outras as interações.

Além disso, a rede social destaca três informações secundárias que influenciam no ranking, que são: a frequência que o usuário visita o Instagram; quantidade de perfis seguidos; e o tempo que as pessoas passam dentro da rede social.